Conheça Microsoft HoloLens…futuro está acontecendo


A Microsoft publicou em seu site Lumia Conversations mais alguns detalhes acerca do HoloLens, o dispositivo que todos querem testar e conhecer mais. Contudo, a empresa ainda continua um tanto misteriosa quanto a seu funcionamento, mas agora já revelou alguns detalhes de hardware.
Basicamente, o HoloLens precisa de três chips principais para processar todas as informações necessárias para entender o mundo real e, em seguida, virtualizar elementos inexistentes em frente aos olhos do usuário. O nome do aparelho não foi dado à toa, já que ele realmente cria hologramas, daquele tipo que só tínhamos visto em filmes de ficção científica até então.
Esses três chips trabalham em conjunto, mas cada um tem uma função específica no funcionamento do HoloLens. A CPU fica com o trabalho pesado do processamento de informações mais diretas, enquanto a GPU lida com o processamento gráfico. O terceiro chip, a parte mais interessante do aparelho, é que realmente faz a diferença. Ele se chama HPU ou “Holographic Processing Unit” (Unidade de Processamento Holográfico).

Esse terceiro chip é responsável por definitivamente entender o mundo a redor do usuário, processando informações sobre o espaço físico, objetos presentes no lugar e todo tipo de movimento e comando que o HoloLens recebe. Esse chip customizado é basicamente o componente que tornou o aparelho possível.
Há ainda uma série de microfones e câmeras embutidas no headset, além de algumas saídas de som que pretendem imergir o usuário em um mundo sonoro de alta qualidade. Na parte da frente, você vê as lentes e o display translúcido. Dá para notar ainda algumas peças mais simples, como o suporte para a cabeça, que é bastante ajustável.
O que não sabemos é como o software do HoloLens funciona. Fora isso, informações sobre fonte de energia, melhores formas de uso e possibilidades de desenvolver softwares para a plataforma ainda são um mistério.

7 pessoas que morreram tentando se tornar imortais

Você arriscaria a própria vida se soubesse que, na verdade, seria capaz de fazê-la mais longa? Ou então aceitaria morrer se acreditasse que iria reviver em algum ponto no futuro?

Alguns personagens da história levaram essas crenças a sério e tomaram medidas extremas na busca pela imortalidade ou pela fonte da juventude. Como você já poderia esperar pelo título do artigo, no entanto, as aventuras não deram muito certo e as tentativas acabaram procurando a morte.

1 – Monges auto-mumificados

Um grupo de monges praticantes do Budismo Shingon decidiu investir na auto-mumificação para impedir que seus corpos entrassem em decomposição e eles pudessem salvar a humanidade no futuro. O processo, nada prazeroso, envolve o sacrifício por meio da fome e o consumo de bebidas similares a resina, antes da entrada numa câmara especia. De acordo com tradições, os monges que passam pelo processo não são tratados como mortos, mas sim como num profundo transe de meditação. Alguns acreditam que os monges ainda poderão acordar num futuro distante quando a humanidade precisar deles, mas, apesar dos corpos relativamente preservados, eles permanecem mortos e desacordados.

2 – Transfusão de sangue bolchevique

Alexander Bogdanov foi um importante personagem entre os bolcheviques – integrantes da facção do Partido Operário Social-Democrata Russo –, mas foi expulso do partido depois de um embate com seu líder político, Lenin. Dentre seus feitos de destaque estão a criação do movimento Proletkult e da tectologia, precursora da análise de sistemas. Além disso, Bogdanov acreditava que a transfusão de sangue era o segredo para a juventude eterna e, por isso, realizou uma série de procedimentos, relatando melhora de saúde após cada uma delas. Na última delas, no entanto, Bogdanov recebeu sangue de um estudante que sofria de malária e acabou morrendo pouco tempo depois.

3 – Imperadores envenenados da China

Na história da China, existiram inúmeros alquimistas que reivindicaram a criação da fórmula perfeita, mas os fatos mostram que não foi bem assim. O primeiro imperador da dinastia Qin, Qin Shi Huang, morreu aos 39 anos, provavelmente pelo consumo excessivo de mercúrio, que ele acreditava que o deixaria imortal. Existem vários outros imperadores que morreram por intoxicação com outros elementos. Cinco imperadores T’ang, por exemplo, foram vítimas de fórmulas de vida eterna, incluindo Xianzong. Acredita-se que ele ficou tão louco por conta de seus remédios que acabou assassinado pelos seus próprios eunucos. Em tempos mais recentes, o imperador Jiajing também foi vítima do envenenamento por mercúrio, em 1567.

4 – Bebidas de ouro da amante de Henrique II

Apesar do rei Henrique II, da França, ser casado com Catarina de Medici, sua companheira mais próxima em vida era a viúva Diana de Poitiers. A mulher, conhecida por sua incrível beleza e jovialidade, apostava numa mistura feita de cloreto de ouro e éter dietílico. Os efeitos da substância, no entanto, foram bem contrários, causando a morte da mulher, aos 66 anos. Estudos recentes conseguiram apontar que o cabelo da mulher mostrava evidências de envenenamento crônico provocado pelo ouro.

5 – Envenenamento por mercúrio e a pedra filosofal

Além dos alquimistas chineses, os do mundo ocidental também acreditavam nas propriedades rejuvenescedoras do mercúrio. Várias receitas da Pedra Filosofal – um artefato que muitos acreditavam ser capaz de rejuvenescer pessoas e deixá-las imortais – eram baseadas no elemento químico. É claro que, ao manusear grandes quantidades do metal, vários acabavam contaminados, como o foi o caso de nomes importantes para a história, como Isaac Newton. Além de suas contribuições para a física e a ciência, Newton tentava criar a sua própria Pedra Filosofal, o que acabou levando a vários sinais de envenenamento por mercúrio ao fim de sua vida, como tremores, ilusões, confusões e insônia.

6 – Testículos de porquinho-da-índia

Charles-Édouard Brown-Séquard foi um respeitado médico fisiologista e neurologista. Ao longo de sua vida, no entanto, injetou em seu próprio corpo extratos retirados de testículos de porquinhos-da-índia e cachorros, alegando que se tratavam de substâncias rejuvenescedoras. Convencido que havia encontrado a fonte da juventude, o médico compartilhou sua fórmula com várias outras pessoas, algumas delas que ficaram bastante doentes como consequência. Ao menos um registro aponta a fórmula de Brown-Séquard como causa da morte de um cientista.

7 – Futuro criogênico

As instalações especializadas em tecnologias de criogenia geralmente esperam até que a morte legal de alguém seja declarada antes de preservar um corpo, mas algumas pessoas conseguiram apressar o processo. Em seu site, a Alcor Life Extension Foundation relata o caso de um cliente que entrou em contato para saber como se matar para que pudesse ser preservado imediatamente. Eventualmente, o homem realmente se matou e acabou sendo congelado, na esperança de que algum dia poderá ser revivido no futuro. Apesar disso, a empresa acredita que o homem apenas reduziu suas chances de ser reanimado.

Será que você teria coragem de apostar em algum método radical se prometessem que sua vida seria prolongada? Talvez você esteja fazendo isso agora mesmo com estratégias de saúde sem nem mesmo perceber.

Espelho inteligente para melhorar sua aparência, usando tecnologia.

Os espelhos inteligentes não são exatamente uma novidade, já escrevi sobre eles (aqui e aqui). Estes dispositivos prometem trazer tecnologia paran este produto bastante comum na casa de todo mundo. A diferença é que o HiMirror, é o primeiro produto que está realmente à venda.
O espelho conta com uma tela LCD de 14 polegadas; uma câmera com flash que permite ao sistema analisar a pele para oferecer dicas para melhorá-la (brutal!!).

O dispositivo tira uma foto do rosto do usuário a cada dia para analisar itens como rugas, manchas escuras, olheiras, poros e manchas vermelhas. O objetivo é perceber as mudanças na pele com o tempo, além de sinalizar alguns problemas para que o usuário os identifique logo no início. O HiMirror trabalha com uma app para Android e iOS, que permite visualizar a evolução da pele. Entre os conselhos oferecidos pelo sistema estão coisas como “beba mais água” e “durma mais”. O espelho também se conecta ao Spotify e mostra a previsão do tempo para o dia.

O sistema consegue ainda, reconhecer gestos e comandos de voz, mas também há botões físicos na parte inferior do espelho. O HiMirror tem um preço de 229 dólares e pode ser comprado no site da marca.

China vai construir replica do titanic em tamanho real

Uma réplica em tamanho real do Titanic, o transatlântico que naufragou em 1912 causando a morte de mais de 1,5 mil pessoas, começou a ser construído na província central de Sichuan, na China, onde seus promotores esperam que se transforme em um atrativo turístico, informou nesta quinta-feira, 1º, a imprensa local.

O navio, com os mesmos 270 metros de comprimento e 28 de largura que o original, será colocado em um reservatório da cidade de Daying, onde permanecerá atracado permanentemente, e fará parte do resort turístico de luxo Seven Star International, destacou a agência oficial “Xinhua”.

A construtora da embarcação, Wuchang Shipbuilding Industry Corporation, prometeu que o navio será fiel ao projeto do Titanic original e contará como este com sala de festas, teatro, piscina e quartos de primeira classe, nos quais se tentará recriar o estilo de vida dos passageiros da época.

titanic-1-540x360

Quando as obras do novo navio terminarem, algo que se prevê em meados de 2019, os promotores da obra farão em seu interior festas de época e banquetes, nos quais o menu deve ser muito similar ao servido no Titanic em 1912, embora como concessão à modernidade a embarcação contará com conexão wifi.

A obra, que contou com a assessoria de projetistas britânicos e americanos, custará 1 bilhão de iuanes (US$ 145 milhões). O jornal South China Morning Post antecipou, além disso, que os turistas que visitarem o novo navio poderão participar de simulações que através de novas tecnologias vão lhes permitir “experimentar um pouco do horror” que os viajantes viveram naquela noite do dia 14 de abril de 1912, na qual o Titanic afundou após se chocar com um iceberg no Atlântico norte.

Uma noite nos quartos mais baratos do novo navio custará ao redor de 3 mil iuanes (cerca de US$ 430), enquanto que para pernoitar nos camarotes mais luxuosos o hóspede terá que pagar centenas de milhares de iuanes (dezenas de milhares de dólares), anunciou o jornal de Hong Kong.

A história do Titanic é muito popular na China, especialmente em razão do sucesso que o filme homônimo de James Cameron teve entre os espectadores chineses, sobretudo por sua versão remasterizada em 3D, que estreou em 2012 – no centenário do naufrágio – e que teve uma bilheteria tão grande no gigante asiático quanto nos EUA.

Essa popularidade encorajou a construção da réplica, embora o projeto, que a princípio ia começar em 2013, atrasou alguns anos, por razões não reveladas.

Anatel abre consulta pública para debater limite de internet

anatel

A Agência Nacional de Telecomunicações – ANATEL, abriu no início desta semana uma consulta pública para debater o limite de internet, discussão em alta no Brasil e que já foi debatida diversas vezes no TecStudio. [Clique para acessar à nova consulta pública da Anatel]

No início do ano, quando a VIVO anunciou oficialmente que ela e várias outras empresas de internet começariam a oferecer somente planos limitados de internet banda larga fixa, excluindo por completo todos os planos ilimitados, a Anatel virou às costas para o consumidor, apoiando totalmente a decisão radical das companhias de internet, sem abrir consultas públicas e sem ouvir a opinião do consumidor.

Felizmente, após uma grande mobilização de vários brasileiros, a Anatel voltou atrás, proibiu o limite de internet até segunda ordem, mas não definitivamente, porém, abriu consultas públicas e até uma votação, em que 99% dos eleitores se mostraram contra o limite de internet.

Deixe sua opinião na nova consulta pública da Anatel

Primeiro, acesso o site da consulta: http://www.anatel.gov.br/dialogo/groups/profile/895/tomada-de-subsidios-sobre-franquia-de-dados-na-banda-larga-fixa
Logo em seguida, faça seu cadastro; só é possível entrar ou ler discussões ao cadastrar-se.
Clique em “Participar desta Consulta Pública”