Papiros egípcios decifrados surpreendem com feitiços de amor, sexo e submissão

Desde incendiar o coração de uma mulher com o simples pronunciar de um feitiço até obter a submissão de um homem, os papiros egípcios recém-decodificados fascinaram os arqueólogos.

Isso tudo está em um trabalho do pesquisador italiano Franco Maltomini, da Universidade de Udine, que conseguiu decifrar os papiros egípcios do século II a.C., em que há feitiços “de amor, submissão e sexo”.

O primeiro papiro mostra um conjuro para “incendiar o coração” de uma mulher até fazê-la amar a pessoa que pronunciou as palavras indicadas. As instruções indicam que o feiticeiro teria que realizar o ritual em um banheiro público.

O texto diz: “Eu os conjuro, terra e água, pelo demônio que habita em vocês e (feitiço) a sorte deste banho de modo que, na medida em que ardam e queimem as chamas, que seja incendiada (a mulher a quem se dirige), nascida de (a mãe da mulher), até que venha a mim”.

O segundo papiro é destinado às mulheres que queriam subjugar um homem para que ele satisfizesse todos os seus desejos. O texto diz: “Enfeitice (nome do homem), nascido de (nome da mãe do homem)”.

Ele levou um fora porque tava de CG 125, mas quando ele volta de XJ6 olha o que ela fez…

Para algumas pessoas, a gente só vale o que tem.
Esse tipo de mulher que sobe na garupa da moto de um desconhecido é a mesma que fica reclamando no facebook dizendo que “nenhum homem presta”.

Mulher que escolhe o homem pelo bolso, não pode reclamar quando é trata como mercadoria.

Não julgue todas as mulheres por causa de algumas como essas da vídeo, nem todas são assim.

1 2 3 7